Novo coordenador da base do Figueirense, Jorge Andrade projeta progresso consistente com gestão profissional: “Processos integrados para formação completa e eficiente”